Arquivo do blog

quinta-feira, 3 de setembro de 2015

O que eu levei dentro da bolsa para assistir ao filme O Pequeno Príncipe?

Olá, pessoal!
Vocês sobreviveram a semana de estreia do filme O Pequeno Príncipe? 
Espero que sim! rs


Eu não ia fazer esse tipo de post! Relutei muito a essa possibilidade, afinal os blogueiros já falaram bastante sobre o filme. Entretanto, cada vez que lia sobre a impressão que o público teve (os que conhecem o livro e os que nunca leram), mais se confirmava a proposta de compartilhar minha experiência inusitada com vocês. 

Então, vem comigo saber como foi minha ida ao cinema, e principalmente o que foi que eu levei na bolsa, hahaha. Adianto que o que eu fiz é coisa de gente muito fã (ou doidinha mesmo, se achar melhor).


Bom, vale lembrar que foram meses de espera para assistir O Pequeno Príncipe no cinema. Acompanhei todas as primeiras notícias que saíam na mídia sobre o filme (todas mesmo). Desde o anúncio da fase de produção, a divulgação do cartaz (ninguém tinha ideia como seria o formato do filme), o primeiro trailer (ainda em francês), a divulgação da música tema do filme (Somewhere only we know - Lily Allen), a lista dos dubladores brasileiros e por aí vai.

Primeiro cartaz de divulgação (lembram?)

A partir da data em que o filme foi exibido na França comecei a preparar o coração para a estreia no Brasil, que estava prevista para Outubro. Passei a seguir todas as redes sociais das empresas que já fizeram parceria com a marca O Pequeno Príncipe (Melissa, Riachuelo, Cacau Show, Jandaia etc), editoras e empresas de fast-food (que tradicionalmente oferecem brindes dos temas de filmes infantis).


Mais ou menos no mês de Maio tive a grata surpresa em saber que a estreia tinha sido antecipada para Agosto 
(mês do meu aniversário, que presentão!) 

Semanas antes da estreia tive alguns problemas (já estava até me conformando com a hipótese de ver o filme apenas quando saísse em DVD). Mas, calma!!! Com ajuda consegui resolver tudo, e meio anestesiada ainda, fomos eu e minha irmã gêmea para o cinema comemorar o nosso aniversário. (Na minha cidade o filme ficou em cartaz apenas 1 semana - um horror - um único final de semana disponível).

Escolhemos uma sessão da tarde!
Tranquilidade total para fotos!




O look estava bem basiquinho (calça jeans azul claro, blusa preta e sandália jeans azul claro). O toque especial ficou por conta da bolsa/tote bag da coleção Pacific com o tema O Pequeno Príncipe (fiz um post sobre essa coleção, se você ainda não viu: Clique aqui!) e da gargantilha prata da Cacau Show com o personagem (fiz um post mostrando a linha de produtos dessa empresa, para ver: Clique aqui!). 

Lembrando que a bolsa grande tinha um propósito! Transportar algo que levei para a sala de cinema kkkk 
Já, já eu conto e mostro foto para vocês! 

Quanto as impressões do filme, eu só posso dizer que AMEI! O que mais me agradou foi a fidelidade a cada palavra escrita no livro (apesar de conter duas histórias paralelas - a da garotinha com uma mãe obsessiva e a do Pequeno Príncipe). Trilha sonora maravilhosa! Qualidade da animação sensacional! A ideia de usar a técnica de stop-motion em 2D para retratar o livro foi a "cereja do bolo", na minha opinião.

O que todo mundo pergunta: você chorou? Não chorei (eu já havia derramado um mar de lágrimas no dia anterior - por motivos pessoais - então eu acho que não tinha muita água disponível), porém o coração apertou várias vezes, principalmente quando os olhos da garotinha se encheram de lágrimas (quase entreguei os pontos nessa hora hahaha)


(Esses olhos são muito expressivos! Os criadores tomaram cuidado com todos os gestos e expressões faciais dela, revelando a pureza da infância).

Teve algo que não gostei? Sim, teve! Achei totalmente desnecessário a "viagem" que a garotinha faz imaginando O Pequeno Príncipe adulto, atrapalhado e com amnésia.

Bom, vocês devem estar curiosos para saber logo o que eu levei na minha bolsa! 
Gente, eu sou muito fã mesmo, não só do personagem, mas principalmente do escritor. Levei comigo a raposinha de pelúcia da Cacau Show. E para minha surpresa (e segundo momento propício para jorrar lágrimas) há cenas no filme em que a garotinha passa a levar a raposinha dela dentro da mochila. Recordo-me que ela foi ao hospital e a escola com sua amiga inseparável, como eu fiz indo ao cinema com minha raposa. 

Espero que vocês tenham gostado do meu relato! Finalizo o post com a foto da minha irmã Fabiana comigo, junto da raposa na sala de cinema (hahaha). E com uma frase do diretor Osborne sobre o filme:

"É um filme sobre como o livro pode mudar sua vida e esse é o espírito do original."




Beijão, até a próxima!









8 comentários:

  1. Fe, post maravilhoso!! O Bruno chorou durante e depois do filme! Nós amamos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ana! Fiquei extremamente feliz com seu comentário aqui, e principalmente por vc ter se identificado com o post. O filme realmente emociona homens e mulheres, dá para fazer várias releituras! Bjs <3

      Excluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Waaa T-T não sei como vc conseguiu segurar as lagrimas... eu não sou de chorar NUNCA.. mas eu amo tanto esse livro que eu não sei o que me deu: EU CHOREI DO INICIO AO FIM ;-; e se eu não tivesse encontrado uma amiga no caminho, eu provavelmente teria chorado até chegar em casa xD
    Waaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa eu também levei a minha raposinha, ela é uma pelúcia que fica dependurada na minha bolsa *--* na hora eu senti a mesma coisa que você >< (uma semana depois roubaram minha raposa laranja T--T)
    AMEI o seu blogger >< e vou seguir @u@
    Continue postando MUITOOOO
    http://diariodelolivlet.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah! Que lindaaaa que vc é! Foi corajosa em assistir o filme sozinha! Puxa, que pena que levaram sua raposa de pelúcia. Algumas pessoas não tem noção de que alguns objetos têm grande significado para a dona(o), não é? Acredito que com a proximidade do Dia da Criança, alguma empresa possa fazer o lançamento da raposinha do filme! Assim espero! Livro do filme já tem! Quem sabe é uma oportunidade de vc ter uma nova pelúcia, rs. Muito obrigada pelo incentivo para que eu continue escrevendo, palavras encorajadoras fazem toda diferença! <3

      Excluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir